Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Antítese

Dizem que sou poeta em gestação!
Vivo, sem rumo, feito bosta n'água,
a poluir o rio em que deságua
meus arremedos de inspiração.

Dizem que eu detenho o coração
e o raciocínio dum poeta;
que sofro todas dores mais secretas,
que todos os poetas sofrerão.

Será que esses loucos têm razão!?
Serei mesmo um poeta em gestaçao!?
Jamais se encontrará uma resposta.

Enquanto isso eu sigo vivendo,
pensando em poesia,  escrevendo...
e sempre produzindo a mesma bosta.
Herculano Alencar
Enviado por Herculano Alencar em 09/09/2007
Reeditado em 09/09/2007
Código do texto: T645352
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Herculano Alencar
São Paulo - São Paulo - Brasil, 63 anos
1411 textos (62154 leituras)
20 áudios (391 audições)
13 e-livros (3627 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 11:14)
Herculano Alencar

Site do Escritor