Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Inumano

Roto, imprudente, pobre, inumano
Decrépito, ignoto, maligno profano
Singular monstro torpe e delicado
Delirante e exímio descontrolado.

Do orbe cordato julgador do engano
Assombrado que ovaciona o dano
No mandato do desprezível fado
Prantos que sempre ferem o coitado.

Nessa inglória, senhoril, na memória
No climático dia da peste meritória
No Erebo sanguinário um bandido.

No caustico feral da última sepultura
Num cemitério etéreo da loucura
No mais ermo espectro seja sentido.

                          HERR DOKTOR
HERR DOKTOR
Enviado por HERR DOKTOR em 12/09/2007
Reeditado em 16/10/2008
Código do texto: T649811

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
HERR DOKTOR
Camboriú - Santa Catarina - Brasil
664 textos (21784 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/11/17 23:09)
HERR DOKTOR