Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aos meus amigos poetas

É no âmago das poesias que observo
A magia do talento dourado dos poetas
Que transluz vida a abstratos e concretos
E que me faz amar tanto a bela como a fera

Navego em mares de amores e rancores
Conheço a alma dos sonetos e brancos versos
São meus amigos esses poetas cantadores
Que fazem das letras o andor do universo

Abençoados como a alvorada matinal
Vão cavalgando em cada poema sem igual...
São arautos que declamam seus sentimentos...

São imortais como as rochas das montanhas
São meus amigos esses poetas das entranhas
Que se imortalizam no limiar de cada  verso
Nelson Rodrigues de Barros
Enviado por Nelson Rodrigues de Barros em 13/09/2007
Código do texto: T650692
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nelson Rodrigues de Barros
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil
586 textos (36372 leituras)
6 áudios (1110 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 21:28)
Nelson Rodrigues de Barros