Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Viver... Saber... Ser...

Eu conto o conto do abandono,
Nesse aponto, naquele ponto. O quanto...
Sendo triste, não risque... Persiste...
Insiste, resiste... Com graça, com raça...

Abraça... Tua coragem... Age,
Reage... Na altura, grave bravura... Se...
Sentir só... Só lamente... Aprende...
Entende... Hora sua mente... Ora senti...

Mergulhe... Tenha fé... Ora reze...
Prove... Ora ore... Pela vida... Ore...
Não se incline... Torne-se íngreme...

E esquece... Messe... E rejuvenesce...
Tua janela... Abra... Reabra!
E cuide de teu chão... Beije teu coração!
Rascunho de Poeta
Enviado por Rascunho de Poeta em 15/09/2007
Código do texto: T653829

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rascunho de Poeta
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 36 anos
140 textos (7226 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 20:39)
Rascunho de Poeta