Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"LE CIRQUE"

A verdade que entorta a tristeza que sobra da gente
Que salvou-se das dores do parto restolho descrente
Esperança de amores na distância agora se esconde
E bem assim como veio sumiu não se sabe pra onde

É preciso que as luzes se acendam de novo pra mim
Pois no canteiro que a felicidade plantou meu jardim
Veio o tempo passando a galope deixando as pisadas
Quais marcas perenes no ventre dormente cunhadas

Repintando com cores opacas as gramas que estão
Como os sonhos pregados na mata que o fogo comeu
Só sobraram as lembranças remotas do que já fui eu

E neste sábado o palhaço Allegria a mim prometeu
Que esperar pela vida a fora não é martírio em vão
Mas a vida no Cirque é suspensa e não toca no chão...
Lobo da Madrugada
Enviado por Lobo da Madrugada em 17/09/2007
Reeditado em 17/09/2007
Código do texto: T656775

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lobo da Madrugada
Curitiba - Paraná - Brasil
764 textos (334925 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 18:36)
Lobo da Madrugada