Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Mal - II (O Encontro)

Quando as trevas invadem sua alma, eu estou lá
Quando suas lágrimas caem e suas mãos suam frias, eu me fortaleço
Quando você grita com a garganta entrecortada, eu aperto o seu pomo de adão
Quando você se joga, eu estou em baixo a observá-lo

Seria justo salvar-te?
Você acha que merece salvação?
De que adianta salvar alguém como você?
Alguém como você, não é digno de salvação

Minha sentença está concretizada
Não volto atrás
O peso da minha espada é severo

Você não pode mudar
Caia, sinta como é estar de volta à sua casa
Pois esta é sua casa em fim
Marins
Enviado por Marins em 29/09/2007
Reeditado em 29/09/2007
Código do texto: T673629

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marins
Itaboraí - Rio de Janeiro - Brasil, 29 anos
51 textos (1343 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 01:42)
Marins