Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SORDIDEZ



SORDIDEZ

Seu mutismo diz tudo, desavergonhada senhora!
Expressão silente, covarde, contundente,
dos discursos, certamente  o mais eloqüente,
a definitiva e efetiva forma desse  seu descaso!

Sombra à frente dessa infeliz  matéria, inerte.
Incoerente e fria negligência, quanto sarcasmo!
Imagem de espelho que felizmente nada  reflete,
Além de  sua própria e constante  decadência.

Manto de falsidades, tamanha indecência
a abrigar seu egoísmo e pervertidos atos
Encobrindo suas torpes e  reais intenções,

Traindo a quem te protegeu e que lhe deu carinho
Escarrando no prato que tantas vezes comeu,
Desdenhando e desprezando nossos corações!

Urias Sérgio de Freitas




Urias Sérgio
Enviado por Urias Sérgio em 02/10/2007
Código do texto: T678163
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Urias Sérgio
Manaus - Amazonas - Brasil, 73 anos
290 textos (22874 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 05:47)
Urias Sérgio

Site do Escritor