Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INTENSA SEDE

                                   " E mesmo a sede começara: (...) Uma sede
                                 enorme maior do que ele próprio, que lhe
                                 tomava agora o corpo todo" -
                                     (Clarice Lispector, O primeiro beijo)
               
                                  "Amor é ter sede depois de ter bebido"
                                                 (Guimarães Rosa)


Que grande sede é essa que não passa?
Por mais que eu bebo à fonte - dia-a-dia
Aumenta mais e mais - que agonia -,
E uma sensação árida abraça...

E essa água dá-me energia
Dá-me um sereno - e uma grande graça
Mas na última gota a boca baça
Se torna um deserto - quem diria...

Agora percebi o que acontece
Não há fonte melhor - e melhor messe
Que possa refrescar esse ardor...

Eu sei querida qu'essa sede louca
Só cessa quando beijo a tua boca
Pois ela aplaca meu intenso amor...

                          03/10/07  
Gonçalves Reis
Enviado por Gonçalves Reis em 04/10/2007
Reeditado em 05/10/2007
Código do texto: T680678

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gonçalves Reis
São Paulo - São Paulo - Brasil
1155 textos (75385 leituras)
1 áudios (107 audições)
1 e-livros (51 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 06:34)
Gonçalves Reis