Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TRISTE PARTIDA

O seu lindo e profundo olhar pequeno
Sempre me fita com o eterno amor
Como se fosse um luar belo e sereno
Que ilumina muita paixão e esplendor.

Como se fosse u’a linda e bela flor
Com o vento sussurrando aceno
Um lenço branco de partida e dor
De u’a triste ida de um triste fenômeno.

Dá partida só nos resta o amor forte
De uma vida linda e sem amarguras
E agora que de mim só restou a sorte

De viver num mundo de coisas duras
Sem temer d’uma vida ou d’uma morte
Que um dia há de vir com ou sem curas...

(02/1972)
zizo
Enviado por zizo em 05/10/2007
Código do texto: T681743
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
zizo
Cubatão - São Paulo - Brasil, 61 anos
697 textos (28713 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 23:05)
zizo