Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Do pranto ao canto um mesmo tanto


Vivi, da minha vida, ao lado teu
momentos tão felizes, e marcantes;
momentos que no tempo vão distantes,
porém, que o meu amor não esqueceu!


Por ti todo o meu riso floresceu...
Por ti sonhei o amor, amada amante;
Sonhei.. por ti amei, tanto que eu
Não penso noutra coisa neste instante...


Amei ... amei demais... amaste tanto...
Mas tudo já se foi e agora eu sei
porque por te perder chorei meu pranto!


Vai tempo... mas eu hoje ainda não sei
se foi por te perder que sofri tanto
ou se tanto sofri porque te amei!

Poeteiro
Enviado por Poeteiro em 08/11/2005
Código do texto: T68614
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeteiro
Santos Dumont - Minas Gerais - Brasil
440 textos (10789 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 12:45)
Poeteiro