Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DIA-A-DIA




Mas… aqui, onde somos passado,
Feito presente, deixamos, por nosso
Inconformismo e luta, esse legado,
Como alçapão aberto de um poço.

Reticências são esse outro futuro,
Que não podemos viver sem mais
Nem menos, fortíssimo auguro
De quem quer dele muitíssimo mais.

Aprendi a viver consoante o dia-a-dia,
Pondo para trás de mim o passado,
E esperando do futuro sua companhia.

Porque o passado é uma mentira,
E o futuro não lhe sabemos o legado,
Quem assim viver o bem lhe retira.

Jorge Humberto
08/10/07
 





Jorge Humberto
Enviado por Jorge Humberto em 10/10/2007
Código do texto: T688848
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Humberto
Portugal, 51 anos
2622 textos (67028 leituras)
22 áudios (940 audições)
13 e-livros (541 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 10:15)
Jorge Humberto