Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um poeta menino

Olhei pro jovem homem lá parado.
Era o retrato vivo de um poeta!
Haviam cãs nas têmporas cobertas,
qual testemunhas vivas do passado.

Riu-se, com seu sorriso declamado,
como quem faz do riso poesia.
Pude sentir que sua alma ria,
quando o seu abraço me foi dado.

Parece até que ele já sabia,
que Deus lhe reservara aquele dia,
como um feriado do destino.

Pra que brindasse a felicidade
de ser poeta. E, na maturidade,
não ter perdido a alma de menino.
 



Herculano Alencar
Enviado por Herculano Alencar em 11/11/2005
Código do texto: T70326
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Herculano Alencar
São Paulo - São Paulo - Brasil, 62 anos
1332 textos (57767 leituras)
5 áudios (264 audições)
13 e-livros (3192 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 15:58)
Herculano Alencar

Site do Escritor