Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

 

 

 

Esqueci na janela a paisagem dos sonhos.

Retornei para o quarto de folhas escuras,

onde a paz me acolhe, e triste, eu componho

retalhos de versos, sem nenhuma censura...

 

Das palavras me visto e assim sobrevivo,

nesse mundo etéreo de luz e de sonho...

E é então na poesia que encontro motivo

pra fazer os meus passos, bem menos tristonhos...

 

Que levem ,então, o vento, os versos que faço...

Sentidas canções, bálsamos para as feridas

das noites insones tão longas e  tão frias...

 

Quem sabe, um dia, essa velha melancolia

transmute em cores nas palavras proferidas

pelo anjo que, enfim, preencha o meu abraço!

 

 

Zélia Nicolodi
Enviado por Zélia Nicolodi em 29/10/2007
Reeditado em 05/11/2007
Código do texto: T714430

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Zélia Nicolodi
Curitiba - Paraná - Brasil
651 textos (66842 leituras)
15 áudios (1098 audições)
52 e-livros (3505 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 14:16)
Zélia Nicolodi