Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meu rio


Uma cidade fica mais bonita
Quando há um rio que a divide ao meio,
Rio que canta sua terra e saltita
E a correnteza abraça sem receio.

O por do sol e o nascer da lua
De dentro d'água têm um outro efeito,
Disco dourado, imenso se insinua
Como um Netuno, ao emergir do leito.

Luz prateada do luar em cheia
Desenha um rastro claro, iluminado
Na superfície lança a sua teia.

Amo esse rio, seco ou alagado
Pois no meu peito vive e se incendeia
E bate invés do coração cansado.


 
Vilma
Enviado por Vilma em 31/10/2007
Código do texto: T718142

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vilma
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil
238 textos (5616 leituras)
1 e-livros (46 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 03:56)
Vilma