Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CONSTATAÇÃO

Tomei meu banho e o rosto escanhoado
No trico gel, perfume após, loção,
No que fazia havia precisão
Peguei meu terno todo engomado...

Depois de tudo pronto - terminado -,
Em meio à cidade - à multidão -,
Lá ia eu com um buquê na mão...
Me declarar que estava apaixonado...

Todo cheiroso e o hálito mais puro
Estava muito bem - muito seguro
Quando passou o caminhão do lixo...

Sentindo o cheiro compus essa obra:
Do ser humano impáfio e prolixo,
Detrito´e podridão é o que sobra!...




    01/11/07

Gonçalves Reis
Enviado por Gonçalves Reis em 01/11/2007
Código do texto: T719640

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gonçalves Reis
São Paulo - São Paulo - Brasil
1155 textos (73755 leituras)
1 áudios (107 audições)
1 e-livros (51 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 08:08)
Gonçalves Reis