Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pra além das psicografias

Oxe, irmão... Por que não fazer assim?
Longe o italiano que me perdoe, e fim:
Vá! Não sou de lá ou daqui... Ah, velha história...
 
Desfaz-se a dita em tinta merencória...
Porém, esta, em meu lasso, o Mundo escore-a,
Que já rascunho o mestre a rir-se, enfim:
 
"Nem poeta, ou louco, ou fulano de tao,
Ou um tal co'ares de Athena que vá à Igreja...
Que sou? Um sopro, um nada em prosa? Que seja:
Conquanto fogos ateie (hibernal)...
 
Homem, é tão curto o espaço à Peleja,
E parto eu da Grandeza (a dizer 'tchau'):
'Quem, sendo areia de pêndulo, almeja
Ser, por acaso, em vida, original?'"
 
a 11/02/06
Luciano Almeida
Enviado por Luciano Almeida em 15/11/2007
Código do texto: T738143

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luciano Almeida
Teresina - Piauí - Brasil, 37 anos
957 textos (39334 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 12:59)
Luciano Almeida