Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tuas Ondas

Estes teu olhos tão lânguidos, serenos
Que pousam como a ninfa sobre as rosas
No rubor da tua face em risos tenros
És o tântalo,  das damas a mais formosa...

Na vaga do mar que te emoldura a face
Esta relva negra que teu rosto adorna
Faz a métrica perfeita em ti, a justa forma
Do verso terno que por ti nasce

Esta áura que circunda o teu viver
É o sol que surge e irrompe horizontes
Derramando oceanos de luz nos montes

Fulgurando a volúpia cândida do teu ser
Sou nau...que se perde nos teus mares
Sou a noite... que te vela sem saber.
Moisés Lopes
Enviado por Moisés Lopes em 22/11/2007
Código do texto: T747439

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Moisés Lopes
Curitiba - Paraná - Brasil, 33 anos
296 textos (12846 leituras)
2 áudios (133 audições)
1 e-livros (69 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/09/17 16:34)
Moisés Lopes