Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

>AMADOS**

Pelo trilho a mala veio sem rodeios
Sempre vazia de amores verdadeiros
Girei a chave ai Deus só nulo espaço
Pra preenchê-la só houve embaraço

Olha daqui indaga ali outra acolá
Tudo vazio, aonde amor vai encontrar
Num coração que nada enxerga de amar
Só sabe olhar admirar fugir sonhar...

Mas, nos poemas sinto o cheiro no ar
A mão que oferta carícia e sabe amar
Poemas que inebriam só há penar

A voz soa ao longe chega ao ouvido
Numa canção o coração já comovido
Ama em silêncio na manhã todo cativo

Somemos nossas forças meu amor
Assim alcançaremos o infinito,
Nas ondas do teu mar, belo torpor,
Fazendo do prazer, o nosso rito.

Amor que sem limites, vou propor
Sem medos ou temores, irrestrito,
Na imensidão do sonho recompor,
Amor com a firmeza de um granito.

Viajo por teus céus, bebo as estrelas,
Nas constelares luzes, a tiara
Divina que se mostra bela e rara,

Sentindo a brisa mansa a concebê-las
Navego sem descanso pelo astral
Até chegar à lua sensual...

SOGUEIRA
Marcos Loures
Sonia Nogueira
Enviado por Sonia Nogueira em 25/11/2007
Reeditado em 25/11/2007
Código do texto: T751971

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Sonia Nogueira
Fortaleza - Ceará - Brasil
2360 textos (127443 leituras)
12 e-livros (650 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 14:17)
Sonia Nogueira

Site do Escritor