Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SEM LUZ

Na fuga interminável dessa minha cruz
meus pensamentos voam e caem ao chão.
Já que meus dias têm sido um sonhar sem luz.
É um sonho louco, não tem paz nem solução.

Meu desespero já nem me deixa dormir.
Como pode alguém tão habitado viver
assim, sem mais razão, nem brilho pra existir?
Dando murros em pontas de faca e, nem ver

uma só luz que venha e, ilumine a razão,
pra clarear a busca de tanto querer
nessa incomensurável e vil solidão.

Se minha vida não faz mais que aborrecer,
causando sempre pânico e desilusão
o melhor talvez, fosse de fato morrer.
Tânia Regina Voigt
Enviado por Tânia Regina Voigt em 25/11/2007
Reeditado em 13/04/2009
Código do texto: T752834

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome da autora). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tânia Regina Voigt
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil
1026 textos (48203 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/11/17 23:08)
Tânia Regina Voigt