Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOU E NÃO SOU

Sou o vento que sopra levemente
Sou neblina que cai as madrugadas
Sou o sol que disponta no nascente
Aquecendo as campinas orvalhadas

Sou o galo que canta despertando
O vaqueiro ao romper de uma nova aurora
Sou o relógio na torre anunciando
O percurso do dia a cada hora

Sou guerreiro sem brga e sem guerra
Sou um ente vagando sobre a terra
Contemplando as belezas naturais

Sou um pouco de tudo e nada sou
Sou apenas a voz que ecoou
Pra pedir paz, justiça e outras mais
Edgar Ramalho de Freitas
Enviado por Edgar Ramalho de Freitas em 28/11/2007
Código do texto: T755813

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Edgar Ramalho de Freitas
Patos - Paraíba - Brasil
85 textos (2974 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 13:49)
Edgar Ramalho de Freitas