Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Simbo-sonetismo

Ah poesia herege e infernal
metricamente estruturada
condensa , obscura e inanimada,
a raiz do caos em forma literal


Infecta na musicalidade
o veneno letal da sua agonia
entranhado na atomicidade
de uma alma humana vazia

Corrói entre estrofes e versos
a vitalidade dos imersos
em amor e romanticidade

Contrariando até os cientistas
MALDITOS POETAS SIMBOLISTAS!!
desbravadores da verdade....
Daniel Dias
Enviado por Daniel Dias em 04/12/2007
Código do texto: T764487

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Daniel Dias
Nilópolis - Rio de Janeiro - Brasil, 26 anos
20 textos (3073 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 04:31)
Daniel Dias