Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eremita moderno

Visões distantes... Quero um deserto remoto,
Onde enclaustrar-me eu possa, frio, em níveas ilhas
De escuridão, ao Sol queimando nas carquilhas
Profundas deste humilde coração ignoto...

Fugir! E em solidão viver! Num trapo roto
Os rudes turbilhões deixar; pilhas e pilhas
De utensílios inúteis! É certo, tu brilhas,
Sonho de vida obscura!... O humano é maroto

E é bom, às vezes, sim! Mais tarde eu voltarei
Cantando a paz do meu espírito purgado,
Tudo abraçando, pois serei homem de agir.

Mas, por ora, limito-me a dizer: cansei!
Sem mais opções, o tédio em mim está aterrado...
É a mim, bem entendido, que quero fugir...
wsdafae
Enviado por wsdafae em 05/12/2007
Reeditado em 15/11/2008
Código do texto: T765365
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
wsdafae
São Paulo - São Paulo - Brasil, 27 anos
89 textos (7066 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 00:58)
wsdafae