Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

434-DUETOS de 001 a 005 em Cartrova/ Carversos e Acróstico para Raymundo Salles

419- CARVERSOS(Carta em VERSOS)

Oficina de Trovas 013

DUETO em TROVAS(001)

De: Sílvia Araújo Motta
Para: Raymundo de Salles Brasil
Tema: Trova para Rosamaria,
postada em 05-04-2006.

“Guardei, pra lhe dar um beijo,
mas, como você não veio,
pra não frustrar meu desejo,
vou mandar pelo correio.”
  (Raymundo de Salles Brasil.)

Raymundo,
Escrevo por meio desta
minha Cartrova rimando,
trago o coração em festa
porque hoje estou te admirando...

Envie a tua cartinha
à amada Rosamaria,
que mesmo ausente é Rainha
e não te espanta a alegria.

Que pena!Não apareceu,
para ganhar o teu beijo...
Quem sabe até...adoeceu
quase frustrou teu desejo.

Sei, apenas, que “não veio”
e que tu quase frustraste!
vais mandar pelo correio,
o beijo que, então, guardaste.

Rimas pobres, vim trazer!
Hoje estou arrefecida...
Fazer VERSOS, por lazer
é um grande prazer na vida.

Sou a Sílvia Professora,
bem feliz aposentada,
violonista e escritora
pela Trova apaixonada!

Belo Horizonte, BH,Brasil,
6 de abril de 2006.
---***---

DUETO 002 Cartrova /Carversos
De: Raymundo de Salles Brasil
Para: Sílvia Araújo Motta
Tema: Rosa é minha FILHA
postado em 06-04-2006, às 19:48h

Silvia,
O beijo que eu quis mandar
foi pra Rosa, minha filha,
nunca pensei suscitar
uma carta-maravilha.
 
Mas fiquei lisonjeado,
muito alegre, tanto que
estou mandando postado
um também para você.
(Raymundo Salles)


DUETO 003 EM CARTROVA ou
CARVERSOS(Carta em versos)

De: Sílvia Araújo Motta
Para: Raymundo de Salles Brasil
Tema: Agradecimento
postado em 06-04-2006 às 11:31:50h

Belo Horizonte, em abril,
dia seis posso dizer,
duelo em TROVA, se abriu:
-Sylvia e Raymundo a escrever.

Meu caro amigo Raymundo,
que linda carta mandou...
Indica saber profundo!
Meu coração conquistou!

Que sorte tem sua Rosa,
ser uma filha querida!
Aposto que ela é bondosa,
por ter este pai na vida.

Quem ficou lisonjeada,
fui eu, simples escritora,
porque eu me sinto beijada
na mensagem TROVADORA.

Receba beijos e abraços,
na faixa da gratidão,
enfeitada com meus laços
coloridos de emoção.

Sou a Sílvia professora,
bem feliz aposentada,
violonista e escritora,
tentando ser trovadora!

---***---

DUETO 004 em CARTROVA ou Carversos
De: Raymundo de Salles Brasil
Para: Sílvia Araújo Motta
Tema: raiz/ verso
postado em 10-04-2006

Cara Sílvia, professora,
graças a Deus tão feliz,
violonista e escritora,
trovadora de raiz!

Seu verso bom já soava
mesmo sem você saber,
a trova já borbulhava)
antes de você nascer.
           Raymundo Salles

DUETO 005 em CARTROVA ou Carversos
 De: Sílvia Araújo Motta
Para: Raymundo de Salles Brasil
Tema: Homenagem-acróstica
postada em 11-04-2006.

Meu Caro Irmão Trovador
receba minha homenagem
simples, mas feita de amor,
em acróstico-mensagem.

Li seu Perfil ! Exclamei:
-Agora, já está explicado,
sei porque também ganhei
“gosto pelo verso herdado”.

Posso escrever muito mais
do seu “hobby” prazeroso...
Seis SONETOS são DEMAIS!!!!
Merecem lugar HONROSO!

Neste  acróstico simplório
falei pouco, em seu louvor,
mas, de joelhos, lhe imploro:
-Desculpe-me por favor:


RAYMUNDO DE SALLES BRASIL. (da BAHIA)

Acróstico-Homenagem
Por Sílvia Araújo Motta

Raymundo Salles Brasil
A-Abençoado SONETISTA!
Y-Yes! Poesia-nota mil...
M-Mais que Clássico é o Artista
U-Uma dádiva divina,
N-Neste espaço Recantista.
D-DECASSÍLABOS ensina!
O-Ocupa a Primeira Linha!
 -
D-De “Regresso a Santo Amaro”
E-É o Filho Pródigo Amado!
 -
S-“Segregados”, sem escolas,
A-Abandonados nas ruas,
L-Levados...pedem esmolas!
L-Lindos SONETOS, são luas
E-Em cada leitor, são molas,
S-Sempre lindas, todas nuas.
 -
B-Bem-vindo, Irmão Trovador,
R-Riqueza satírica nas rimas...
A-Amador? Não! ESCRITOR,
S-Sua autoria: “As Mal Traçadas Linhas”
I-Industriário, Bancário, Professor.
L-Líder! Autor de: “Minhas Trovas”.
 -
D-De Maria Helena e Bartolomeu
A-Aos trinta e um de agosto, nasceu
 
B-bem no Recôncavo da Bahia!
A-Amante das Letras, dom familiar!
H-Hoje, Aposentado, faz Poesia.
I-Inigualável. Sábio, posso avaliar
A-Amável Pérola traz pura alegria.

Belo Horizonte, 11 de abril de 2006.

Silvia Araujo Motta
Enviado por Silvia Araujo Motta em 11/04/2006
Reeditado em 17/01/2007
Código do texto: T137246
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Silvia Araujo Motta
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 65 anos
6556 textos (669142 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:30)
Silvia Araujo Motta