Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEZ TROVAS DE AMOR PARA CARLA 2

Dás-me motes sem notares
Do teu delicado encanto
Provocando-me avatares
Em cada quadra que canto.


Eu te amo e posso chorar!
E a lágrima a se escorrer
Sintas ser minh'alma a orar
Para em teus braços morrer...


O que será dos amores
Se o sexo for obrigado,
Se não existirem dores,
Se tudo for apressado?


Não quero o amor sem cuidado!
Gosto de delicadeza
E de ser homem prendado
A que pra mim traz beleza.


D'amor vivo enamorado
Dias e noites sem fim
Mesmo que meu anjo esperado
Prossiga longe de mim...


Dois anos namorados...
Duas almas a cantar...
Casal -- em dueto -- afinados
Cantam a canção do amar...


De ti meu solo fez vida
Uma Primavera abriu
Rosa carmim esquecida
Em semente no vazio...


A delicadeza e encanto
Na frágil voz de quem me ama
Provoca em mim doce canto
Que est'alma amante o declama...


Para sempre te amarei
Pois na curva do destino
Quando meus passos virei
Volvi tempo de menino!


Só teu sou na Eternidade
Pois dentro em mim um Paraíso
De beleza e liberdade
No amor manaste preciso...

***** Quadras escritas para Carla, durante o ano de 2005.
Alexandre Tambelli
Enviado por Alexandre Tambelli em 05/08/2006
Reeditado em 01/10/2013
Código do texto: T209718
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alexandre Tambelli
São Paulo - São Paulo - Brasil, 48 anos
676 textos (116419 leituras)
8 áudios (2991 audições)
1 e-livros (398 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 17:58)
Alexandre Tambelli