Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Conheci um nobre
Por quem trovei;
E que um dia chamei de senhor imbecil!
Nunca tamanha o via
Tão enrolado em palavras
Agora está laçado sem poesia
Homem-canoa assim é chamado.

Pois que ainda se acha formoso
Quanto mais necessário se achar
Mais cheira a porco
A fuçar podridão dos outros
Onde há de morrer com a boca aberta
Assim hei de chamar-lhes de
Senhor das trevas!

Algo me enoja,
A falta de escrúpulo deste senhor
Que se acha o máximo
Mas morrerá como outros
E sobrará apenas ossos
Depois da visita de dona morte
Que lhe batizará
De senhor regenerado!

Mone TCarmo
Enviado por Mone TCarmo em 15/09/2006
Reeditado em 22/05/2010
Código do texto: T240855
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Direitos autorais à Simone Teixeira do Carmo) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mone TCarmo
Belém - Pará - Brasil, 37 anos
2862 textos (287316 leituras)
56 áudios (8739 audições)
4 e-livros (918 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:34)
Mone TCarmo

Site do Escritor