Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Juras.

O coração disparado
Batendo descompassado
Sentindo a presença dela
Semeia sorriso e poesia
Em homenagem a fisionomia
Angelical meiga e tão bela.

Me transformei num poeta
E tal qual um profeta
Pregando um futuro lindo
E com toda a sinceridade
É por este amor na verdade
Que eu tenho a alma sorrindo.

Doce amor da minha vida
Como uma varanda colorida
Que me acolhe e me afaga
Vou viver sempre te amando
Te abraçando e te beijando
Amor doce que embriaga.

Seguir junto este caminho
Trocar juras de amor e carinho
E de eterna felicidade
O meu coração se rende
Eu te entendo voce me entende
E nos amamos de verdade.
Pedro Nogueira
Enviado por Pedro Nogueira em 31/08/2007
Código do texto: T632959
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pedro Nogueira
Campinas - São Paulo - Brasil, 64 anos
6223 textos (164905 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 17:08)
Pedro Nogueira