Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Paixão insana.

Esta paixão Que desconhece limite
Não conhece regra e infringe a lei
Não respeita sentimento e resoluta persiste
Me obrigando te amar como nunca amei.

Não deixa a mente em paz um minuto sequer
Por mais que eu queira esquece-la não consigo
O suave bailar da imagem bonita daquela mulher
Diante dos meus olhos a sorrir brincando comigo.

Nada no mundo preenche o imenso vazio qie ela deixou
E esta paixão insana o meu peito invade
Coração não esquece a intencidade com que a amou
E desesperado mergulha em um mar de saudade.

A insesatez desta paixão me amedronta e assusta
Me fazendo sentir impotente e pequeno
Sem forças pra reagir eu sei o quanto me custa
Sentir-me submisso as ordens cretina desse veneno.

Eu procuro e quero a minha liberdade
Mas não encontro um meio de me desvencilhar
Porque eu bem sei que a amo de verdade
E fui predestinado a viver pra te amar.
Pedro Nogueira
Enviado por Pedro Nogueira em 06/09/2007
Código do texto: T641668
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pedro Nogueira
Campinas - São Paulo - Brasil, 64 anos
6223 textos (164872 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 07:01)
Pedro Nogueira