Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um Jeito de Ver e Ser.

    Sou pequeno, mas grande por dentro.
    Posso saber muito, mas não o bastante.
    Faço tudo que posso, nem sempre convenço.
    Quem sou eu, esta pessoa certa ou errada.
    E quem és tu pra me corrigir dessa forma tão assalariada.
   
    Existem os formados na vida.
    Aquele que se ilude por que acha que é alguem.
    De que vale essa ignorância.
    Se aqui ninguem é melhor que ninguem.

    E aquele cara que ta lá na frente.
    Só por que rotularam como presidente.
    Talvez se ele soubesse oque se passa em nossa mente.
   
     Não deixe que os grandes dominem você.
     Viva e aproveite o dia como se fosse o ultimo.
     Sempre fazendo o seu papel no mundo.
     Mas nunca deixe que alguem te exclua de algo.
     Voçê é especial seja pro que for.
Malheiros
Enviado por Malheiros em 08/10/2007
Código do texto: T686276

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Malheiros
Porto Belo - Santa Catarina - Brasil
19 textos (701 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 02:29)
Malheiros