Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                          TROVAS 120a

    O homem que desejo...
     Tem a barba cerrada!
 Quando me tasca um beijo...
      Fico toda arranhada!...
                  (Maysa)


                                      E suspiro baixinho
                               Com esses beijos roçados
                                Minha boca fica em delírio
                                   E meu corpo arrepiado.
                                               (Ledalge)


O homem a quem desejo
É o mais próximo de mim
Me afaga quando lhe beijo
  Se entrelaçando assim!...
               (Vanuza)

                          Se me arrepio e arranho
                        Logo digo, não me importo!
                         Se te agarro e me assanho
                    É porque gosto que me enrosco!...
                                     (Malu Novo)

  O homem que eu quero
Faz e não pergunta se pode
 Pois lê em meus suspiros
   Que o desejo de pronto!...
           (Marisa Queiroz)

                              Subindo pelas paredes
                                   As gurias já estão
                                   Eu aqui no trabalho
                           Só contendo a minha paixão.
                                           (lune verg)

Não contenho a paixão
Pelo homem que amo
 Na rua sou uma dama
E na cama me assanho...
     (Teresa Cordioli)


                                O homem que eu amo
                               Tem barba bem curtinha
                               Adoro quando ele passa
                               Ela na minha barriguinha!
                                              (Karlla)


 Os beijos mais gostosos
 São de barbas compridas,
Dos homens mais fogosos,
 Que perdem a hora da lida...
         (Teresa Cordioli)

                                O meu amor também é
                               A paixão em excelência
                                  Da cabeça até os pés
                            Beija-me com toda ardência.
                                        (Milla Pereira)

Minha mulher também sente,
mas nem sempre está a fim,
   por isso deu de presente
   um prestobarba pra mim!
    (Reneu do Amaral Berni)

Maysa Barbedo
Enviado por Maysa Barbedo em 24/11/2007
Reeditado em 24/11/2007
Código do texto: T749945

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maysa Barbedo
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
2967 textos (327674 leituras)
7 áudios (1543 audições)
104 e-livros (20175 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 15:52)
Maysa Barbedo