Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um ultimo olhar.

 No meu peito tem algo que a ti pertence
É um coração em suspence
Sonhando só em te vê
Soluçando de saudade
E clamando a felicidade
Que mora ai com voce.

Gostar tanto assim é castigo
Eu tento esquece-la e não consigo
E vivo em função deste alguem
Se eu pudesse ao menos explicar
A razão deste tanto gostar
Que das minhas forças vai alem.

Ela instalou o seu meigo reinado
E deletou todo o meu passado
De mais nada me deixa lembrar
Coração dividido entre a paz que eu tinha e agora
Depois que ela passeou na minha vida e foi embora
Deixando ele a sofrer e a sonhar.

Ao ve-la sumindo naquele corredor
Me senti invadido por uma grande dor
E como despedida um ultimo olhar
Tudo tão simples ela estava partindo
Eo meu coração se sentindo
Um aperto danado e vontade chorar.

Foi bom por demais te-la conhecido
E que a esqueço algum dia eu duvido
São marcas profundas que ela deixou
Só fico invocado porque não entendo
Mas mesmo que eu sofra não me arrependo
Porque meu conceito sobre vida ela mudou.

Pedro Nogueira
Enviado por Pedro Nogueira em 03/12/2007
Reeditado em 03/12/2007
Código do texto: T763429
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pedro Nogueira
Campinas - São Paulo - Brasil, 64 anos
6223 textos (165279 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 05:40)
Pedro Nogueira