Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Gotas de bençãos.

A inspiração é a ferramenta do poeta
E deve ser conservada com amor e carinho
Em toda obra ela é a peça mais certa
Para esculpir  e alinhar cada versinho.

Em cada frase que é criada e escrita
O importante que ela esteja por perto
Quando se fala de uma paisagem tão bonita
Ou se menciona a arides de um deserto.

Quando se diz do canrtar de um passarinho
Ou da ida e vinda de uma abelha
Quando se fala do abandono e alguem sozinho
Em qualquer caso a inspiração é a centelha.

Quando se monta uma linda história de amor
Ou se fala apenas da beleza da mulher
Ou ainda de um coração mergulhado em dor
Ou simplismente de um sonho que a alma deseja e quer.

O assunto pode ser um riozinho de agua clara
Ou dois filhotes dentro de um pequeno ninho
Quando se lembra do luar que a nada se compara
Ou as flores simples que margeiam um caminho.

E ao falar da complexidade do universo
Ou até de um coração docemente enamorado
Quando chorando fala de um desprezo tão perverso
Que quase mata esse pobre poeta apaixonado.

Seja qual for a ocasião a inspiração deve estar presente
Pois como eu já disse ela é uma indispensavel ferramenta
Tanto ao falar de um vagalume com a sua luz intermitente
Ou de um navio em alto mar entrentando uma tormenta.

Um poeta só escreve se tiver a inspiração
Que ao meu ver tambem é sabedoria
Gotas de orvalho derramadas em profusão
Para quem só quer por amor na sua poesia.

Pedro Nogueira
Enviado por Pedro Nogueira em 05/12/2007
Código do texto: T766534
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pedro Nogueira
Campinas - São Paulo - Brasil, 64 anos
6223 textos (165303 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 16:03)
Pedro Nogueira