Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

COMO FAZER COCÔ NA PRAIA

Praia e ócio tem tudo a ver. Aquele marzão, brisa suave, cervejinha, água de coco. Coco ? Ih, lembra cocô ! E lá pelas tantas dá aquelas voltas na barriga, o banheiro do boteco é longe, o que fazer ? Simples, o mar tá aí, e de quebra vc alimenta os peixes ! Mas alguns cuidados especiais devem ser tomados, a fim de evitar contratempos.

a) Só fique pelado da cintura pra baixo depois que a água já estiver encobrindo tudo, e verifique sempre se não tem siri por perto.

b) Posicione-se sempre de frente para a correnteza, se houver, a fim de evitar o refluxo.

c) Incline-se ligeiramente para a frente antes de soltar a carga. Motivo: merda bóia, e se vc ficar ereto ela subirá roçando as suas costas.

d) Mantenha sempre a boca bem fechada, independente da direção da correnteza. Sabe como é, as ondas e tal, pode dar problema. E se alguém falar com vc, finja-se de surdo, jamais responda. Em boca fechada não entra merda.

e) Após efetuar o serviço, esfregue o orifício de saída com a mão, para eliminar os resíduos e proporcionar mais alimento aos peixes e crustáceos.

f) Ponha a roupa e olhe para trás. Observe o produto e veja se já há peixinhos se deliciando com ele. Relaxe e entre em alfa, lembrando que aqueles peixinhos amanhã poderão ser o seu alimento, que depois virará merda e voltará ao mar para alimentar novos peixinhos. É o maravilhoso ciclo da Mãe Natureza !

g) Saia da água logo, pois pode ter gente olhando. Quando a água estiver pelas canelas, pegue um bom punhado de areia e esfregue vigorosamente nas mãos. Enxágue e repita a operação. Cheire. Tudo ok ? Ah ! Volte pro guarda-sol e desfrute da cervejinha e da água de coco e acaricie o seu amor. Ela nem vai sentir o cheiro. E se necessário, repita todos os procedimentos acima.
LOS GIBBANDALHOS
Enviado por LOS GIBBANDALHOS em 29/11/2009
Código do texto: T1950173

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Los Gibbandalhos gibbandalhos@gmail.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
LOS GIBBANDALHOS
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil
24 textos (10822 leituras)
16 áudios (1629 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/10/14 07:28)
LOS GIBBANDALHOS



Rádio Poética