Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mania de Caboclo

Mania de caboclo é rancá mágoa do coração
Nas palmas do catira, nas botina dos pião
É moda de viola, rabeca e violão
É saudade miúda, pura emoção.

Mania de caboclo é sofre sem precisão
É contemplá lua cheia, nas noite de São João
É sê devoto de reis, acompanhá procissão
Nas festa do povo, fogueira e balão.

Caboclo choroso, ruminando solidão
Nas palmas do catira, nas dança de salão
Nos óio da caboclinha, pura perdição.

Caboclo decidido, não mede risco na função
Pra Deus, uma reza, uma oração
Despreza o perigo, desafia o próprio cão.
Túlio Reis
Enviado por Túlio Reis em 19/01/2006
Código do texto: T101051

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Túlio Reis
Uberaba - Minas Gerais - Brasil, 50 anos
35 textos (2710 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 03:02)
Túlio Reis