Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estações

A solidão é um sentimento tão terrível,
Que até no inferno Deus nos é misericordioso;
Nos dá a companhia do diabo.

É veneno.
No início o egoísmo é doce,
Dormente.
Depois agonizamos.
Primavera, verão.
Outono e inverno.
Inverno, inverno.

Sucumbimos.
A alma gela.
Seu corpo, ignorante,
Não morre.

Seria muito fácil livrar-se da dor.
Mas só ela sabe.
Ele não.
Ela vive a dor da não-morte.
Ele vive a hipocrisia da felicidade.
Que se reflete nos olhos espelhados
Das almas que já morreram há muito tempo.
Maria Clara Dunck
Enviado por Maria Clara Dunck em 21/01/2006
Código do texto: T101999

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Clara Dunck
Goiânia - Goiás - Brasil, 30 anos
73 textos (4623 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 18:06)
Maria Clara Dunck