Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Desabafo de Mãe 

Eu te gerei
Carreguei em meu ventre
Alimentei, afaguei com minhas mãos
O tempo todo quando tocava em minha barriga

Sonhei tanto com seu nascimento
Fiz mil planos, tive mil sonhos
Confesso que todos eles
Não o incluía neles
Mas sim a sua felicidade
Sua satisfação
Seu prazer
Enfim, em todos eles.
Só a sua felicidade me interessava

Porém, veio o tempo
O castelo aos poucos desabando
Os sonhos tornando pesadelos
Não sei se errei em sonhar demais
Ou te amar demais
Se em dar demais ou não lhe dar presença
Fiz tudo ou se sempre fui ausência

Mas não importa o passado
Seja ele o distante ou mesmo o de ontem
O importante é que sempre existe o presente
E ainda podemos sonhar com o futuro
Você está aqui
E isto basta
Isto pode ser um momento novo
Sempre há recomeço
Sempre a novas possibilidades
De viver, de sonhar

O amor não se acaba
E é ele que nos motiva a se perdoar
A perdoar e alimentar a esperança
Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 03/02/2006
Reeditado em 04/02/2006
Código do texto: T107729
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Ataíde Lemos
Ouro Fino - Minas Gerais - Brasil, 51 anos
5266 textos (1219403 leituras)
5 e-livros (11756 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:42)
Ataíde Lemos

Site do Escritor