Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um Dia Normal


Vi cedo na televisão
Um assalto aconteceu
E antes de chegar ao trabalho
Mais um ser humano morreu

Na hora do café da manhã
Só gente que perdeu tudo
A chuva levou casa, roupa, comida
Menos mal que não levou a vida

Saindo de casa
Engarrafamento na avenida
Depois de um buzinaço
Mais uma batida

Aonde o mundo vai parar?
Não há limites para nada
Quando a humanidade vai voltar
A se sentir mais amada?

Na hora do almoço
Crianças vendendo balas no sinal
A necessidade venceu a escola
E achamos isso normal

Na hora de ir embora pra casa
Baseados queimando nas esquinas
Tão viciados que agora só sentem
A necessidade que impregnou suas mentes

À noitinha no resumo das notícias
Tudo que vi na rua, vejo na telinha
Me perco em minha insignificância
Porque sinto que a culpa também é minha

Nós todos temos que nos ajudar
Para podermos seguir na mesma estrada
Quando nosso egoísmoacabar
A vida poderá ser mais bem vivida
Tom Junior
Enviado por Tom Junior em 07/02/2006
Reeditado em 08/02/2006
Código do texto: T108966

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tom Junior
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 37 anos
40 textos (1634 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:54)
Tom Junior