Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mágoa

Triste mágoa a minha
Que teimo em arrastar
Ferozmente , pé ante pé ...
Não vá ela me desencaminhar .

É força intrínseca ,
Poderosa e arrebatadora
E mesmo não sendo visível ,
É ferida aberta e demolidora .

A cura é impossível ,
Porque há sempre um cantinho
No qual consegue penetrar .
A sua coragem é invencível
E ninguém a consegue defrontar !

Contudo , eu vou defrontá-la ;
Claro que não antevejo o resultado
Mas , conseguindo ou não defrontá-la
Ficarei feliz por Ter tentado !
artescrita
Enviado por artescrita em 16/02/2006
Código do texto: T112623
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
artescrita
Portugal, 33 anos
107 textos (4742 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 11:19)