Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A ERVA MALDITA.

Seu verde mata sem piedade a esperança,
Destroi sonhos e vidas.
Joga a beira do abismo os fracos de mente,
Rouba a realidade do tempo presente.

Na verdade ninguèm lhe usa,
Ela è quem usa muitos.
Dizem que com ela se faz uma boa viagem,
Mais esta viagem nunca tem volta.

Erva daninha que transforma vidas em pò,
Que fecha todas as portas de quem consome,
Deixando a dependência como a ùnica saida.
Quem lhe acende apaga com suas própias mãos sua realidade.

Erva que não cresce apenas com humos, de restos humanos dos que ja se foram,
Ela cresce com os sonhos perdidos.
Tambèm è regada com sangue,

Brione capri
BRIONE CAPRI
Enviado por BRIONE CAPRI em 17/02/2006
Reeditado em 31/03/2006
Código do texto: T113082
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
BRIONE CAPRI
Guarulhos - São Paulo - Brasil, 32 anos
1428 textos (66587 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:39)
BRIONE CAPRI