Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Laço e Abraço



Meu Deus! Como é engraçado...

Eu nunca tinha reparado como é curioso  um laço...

Uma fita dando voltas
Se enrosca,

Mas não se embola; vira, revira, circula  e pronto...está dado
o laço.
É assim que é o abraço: coração com coração, tudo isso cercado de braço.

É assim que é o laço: um abraço no presente, no cabelo, no  vestido, em qualquer coisa  onde o faço.

E quando puxo uma ponta, o que é que acontece?
Vai escorregando... devagarzinho... desmancha... desfaz o abraço.
Solta o presente, o cabelo, fica solto no  vestido e na fita... Que curioso! Não faltou  nem um pedaço.
Ah! Então é assim o amor, a amizade?
Tudo que é sentimento?
Como um pedaço de fita?

Enrosca, segura um pouquinho, mas pode se desfazer a qualquer hora, deixando livre as duas bandas do laço.
Por isso é que se diz: laço afetivo, laço de amizade, laço de
ternura.
E quando alguém briga, então se diz: romperam-se os laços.

E saem as duas partes, como os meus pedaços de fita, sem perder nenhum pedaço.

Então o amor é isso... Não prende, não escraviza, não aperta,
não sufoca, porque quando vira nó, já deixou de ser um laço!


Ivete Tayar
(autora)


Respeite os Direitos Autorais
lei nº 9.610
Ive
Enviado por Ive em 26/02/2006
Código do texto: T116292
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
217 textos ( leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 11:57)