Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pequena ode à coerência



Fica o dito como dito
mas que dize-lo tanto
seja preciso
não apenas na balsa das palavras
mas no dorso objetivo do ofício.

Fica o dito como dito
mas que faze-lo tanto
seja infinito
enquanto perdure uma roseira amarga
pendurada no vão do nosso grito.
Aurélio Aquino
Enviado por Aurélio Aquino em 02/03/2006
Código do texto: T117933
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aurélio Aquino
João Pessoa - Paraíba - Brasil, 64 anos
375 textos (11648 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 22:13)
Aurélio Aquino

Site do Escritor