Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mundo indiferente

No telhado,
os pingos grossos de chuva
caem.

Na cama,
os meus pensamentos
se esvaem.

Estou só,
sozinha estou.
Triste,
sem ter arrimo,
mergulhada na tormenta
luto, me exprimo.


Ninguém me ouve.
Não sou mais que um pária
que paira sob a escuridão
de um mundo omisso, indiferente,
que não sente
e finge que sente.
Mundo que mente!
Nadir de Andrade
Enviado por Nadir de Andrade em 17/03/2006
Código do texto: T124252
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nadir de Andrade
Barreiras - Bahia - Brasil
134 textos (6225 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:59)
Nadir de Andrade