Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Apresso


Estou com pressa, com pressa estou
Me esqueço até de mim
E parto assim sem me dizer um tchau
Sem ao menos me importar com o que foi
Se era eu ou um eu qualquer que me desconheço
Até pareço que me sei de tanto que me importo
Com a importância que me dou
Até me sonhei a ter o que não me tem
Com um esforço ferrenho de não sentir dor
Fui-me e já não me vejo mais
Do horizonte nem a linha que me divide
Contornar silhueta já não me é capaz
Ademais se minha sombra divisar conseguisse
Com a pantagruélica certeza omitiria
Entre o certo e o errado
Sou a miragem da afirmação que mo contradisse
leandro Soriano
Enviado por leandro Soriano em 17/03/2006
Código do texto: T124660
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
leandro Soriano
Santos - São Paulo - Brasil, 59 anos
199 textos (8375 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 16:43)
leandro Soriano