Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Já é

Eu já senti demais
Já perdi demais
E quero rir de novo

Sem nada lamentar
Apenas encontrar
meu lugar no mundo

Eu quero te dizer
Com ou sem você
tudo na vida passa

E pra que viver
querendo esquecer?
Isso é tão sem graça

Pra que tentar calar
o que quer gritar
no meu peito agora?

Não é preciso pressa
mas que razão expressa
tanta demora?

Se eu fosse falar
Tanto que eu errei,
que acreditei à toa

Espero o carnaval
Pois alguém me disse
que a vida é boa

Em meio a tanta luz
E tanto barulho
a vida continua

Ainda brilha o sol
E ainda me deslumbra
a luz da lua

Eu não tô com medo
nem é segredo
o que eu quero

E só quero que hoje
a vida seja um pouco
do que eu espero

E eu não vou chorar
nem vou desistir
assim tão depressa

Porque pra mim
ou eu morro agora
ou tudo é festa

E alguém me disse
“Menina, pra algo
você presta’

Eu acreditei
E tentei saber
o que ia fazer

Bem, não sei direito
mas desse jeito
um dia passa

Que a vida tá curta
pra perder tempo
em coisa sem graça

Se tudo um dia acaba
quero que venha
prum recomeço

Ou se for fim pra sempre
fechar os olhos
que assim esqueço

Fogo Selvagem
Enviado por Fogo Selvagem em 20/03/2006
Código do texto: T125957
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fogo Selvagem
Campinas - São Paulo - Brasil
288 textos (8584 leituras)
2 áudios (147 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:33)
Fogo Selvagem