Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Foi bom enquanto não durou!

Seu olhar tão romantico, ficava louco,
Me matava aos poucos com cada tapa na minha face...
E a minha face ja calada, minhas lagrimas ja mostravam...
O pouco e o muito que você me machucava!

Suas noites eram bem melhores que as minhas...
Sempre me obrigou a ser quem eu não era...
E sempre... conseguiu se sair muito bem...
Pois é... eu te ajudei a ser quem é!

E agora?
Eu vejo como dói... no espelho vejo as concequências...
No chão vejo a solução!

O que seria perder o controle? Você perdeu tantas vezes!
Guardei por tanto tempo esta magoa!
Guardei por tanto tempo esse medo!
Me libertei!
Me salvei!
Tento agora ... me esconder!

                Que ninguém! Ninguém ... me encontre!

Dói pensar que você se foi, pois eu até gostava de você!
Mas, acabou ... está tudo terminado!

                As mãs machucadas tanto tempo...
            Tomou uma atitude, agora e unicamente agora!
E assim será ... Não há mais volta!
                 Que assim ... ninguém me encontre!
         E que você ! Não sofra muito onde quer que esteja!
Daiane Rodrigues
Enviado por Daiane Rodrigues em 21/03/2006
Reeditado em 29/04/2006
Código do texto: T126408

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Créditos (criação): Daiane Rodrigues. - Não é permitido usar esta obra para qualquer fim sem a permição da autora.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Daiane Rodrigues
Américo Brasiliense - São Paulo - Brasil, 27 anos
392 textos (25455 leituras)
1 áudios (108 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 09:02)
Daiane Rodrigues