Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POESIA DE PLACA


Matei o verbo no peito
E bati de três dedos ( trivela ) nos substantivos
Dei meia-lua nos artigos
E passei por entre as pernas dos pronomes

Cabeceei um objeto direto
Tabelei com uns adjetivos
Fiz marcação cerrada na ortografia
Dei de bandeja para as rimas

Deixei impedidos os advérbios
Fiz  uma estrofe de calcanhar
E com uma maravilhosa bicicleta
Fiz uma poesia de placa !



Sigmar Montemor
Enviado por Sigmar Montemor em 24/03/2006
Código do texto: T127938
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sigmar Montemor
São Bernardo do Campo - São Paulo - Brasil, 52 anos
1762 textos (285455 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:07)
Sigmar Montemor