Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A PERERECA DA TIA

Minha tia tinha uma perereca
Que exalava cheiro horrível
Parecia-se com uma peteca
Mas, gostosa e irresistível.

A perereca da tia
Parecia não gostar de mim
Quando minha presença ela sentia
Saltava rapidamente contra mim.

A perereca de mim desconfiava
Eu queria come-la
E feio para mim ela olhava
Mas por boa oportunidade eu esperava.

Em determinado dia, a tia saiu
Foi a minha grande chance
De mim a perereca jamais fugiu
Foi para a panela e para a minha pança...
Antonio Cícero da Silva (Águia)
Enviado por Antonio Cícero da Silva (Águia) em 25/03/2006
Código do texto: T128523
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Antonio Cícero da Silva (Águia)
Carapicuiba - São Paulo - Brasil, 54 anos
199 textos (20305 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 22:25)
Antonio Cícero da Silva (Águia)