Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Em silêncio

Fui mais rápido
Do que o próprio vento

Em silêncio

Assisti ao nosso fim
Sem um lamento

Em silêncio

Vivi mil agruras
E até ultrapassei o sofrimento

Em silêncio

Fui ao nosso funeral
E dele não tirei provento

Em silêncio

Vi-te à distância
Mas não quis que tal notasses
Eras diferente
Encaixavas em mim
Ainda que não o reparasses…
Pois vínhamos de mundos diferentes
Do oposto do Universo
Unidos pela desigualdade
E por isso não sei se te mereço
Pois a minha diferença era e é perene
A tua passageira
Apenas uma estação da tua vida
A qual encaravas de forma ligeira
Ao contrário de mim
Que vejo nela uma missão
Caminho para onde quero seguir
Com devoção
De quem sabe que nunca lá chegará
Mas imensamente feliz
Por saber que lá…
Terei um lugar
Provavelmente para a Eternidade
Lá serei feliz
Mesmo que nunca o seja aqui
Lá terei encontrado
E concretizado plenamente a minha interioridade

Em silêncio

 Poema protegido pelos Direitos do Autor
Miguel Patrício Gomes
Enviado por Miguel Patrício Gomes em 26/03/2006
Código do texto: T128923

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Patrício Gomes
Portugal
5077 textos (170313 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 20:38)
Miguel Patrício Gomes