Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ODALISCA


Jorge Linhaça
31/05/2005
 
Tua pele morena
teu negro cabelo
em lindas melenas
 
Teu sensual ondular
dos quadris inquietos
a me hipnotizar
 
Tua boca formosa
teus seios redondos
teu cheiro de rosa
 
Teus pés descalços
tilintantes
adereços nos tornozelos
cativante
 
tuas pernas torneadas
que me deixam encantado
tuas formas delicadas
te desejo inflamado...
 
Vem aqui minha odalisca
vem ser minha mulher flor
deixa eu te amar com perícia
te mostra o meu ardor
 
Joga fora os sete véus
quero-te nua em pelo
para levar-te ao céu
como só eu sei faze-lo
 
Vem odalisca adorada
ser femea e mulher enfim
vem saber o que é ser amada
vem ser amada por mim.
Jorge Linhaça
Enviado por Jorge Linhaça em 28/03/2006
Código do texto: T130005
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Linhaça
Salvador - Bahia - Brasil, 55 anos
3723 textos (711033 leituras)
95 áudios (13093 audições)
1 e-livros (277 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 12:10)
Jorge Linhaça