Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VISÕES2 (O NORDESTINO)

ELE FOI DOS CAMINHOS DE SEU CAMPO

DAQUELE EM QUE PAIRAVA NO AR
O AROMA DE PLANTAS AGRESTES
ONDE O SOL JOGAVA LUZ
E ENSOMBREAVA AS ROÇAS
ONDE O VENTO ERA SOSSEGADO, QUASE PREGUIÇOSO
E AS PESSOAS PACÍFICAS E SERVIS

ELE FOI DAS RUAS DE SUA CIDADE

DAQUELA EM QUE HAVIAM MOLEQUES
PELADAS E VIDRAÇAS APEDREJADAS
ONDE O LIXO ERA DERRAMADO
E TINHA ODOR FÉTIDO
ONDE AS PESSOAS ERAM FEIAS-FRIAS
SISUDAS E HOSTIS
E O RIO VIOLENTO

ELE É DAS AVENIDAS DA METRÓPOLE SEM DONO

DAQUELA EM QUE AS CASAS TÊM PISCINAS
MORDOMOS E JÓIAS EM COFRES
ONDE TEM JOVENS REBELDES CARENTES
MULHERES VAIDOSAS
E HOMENS ORGULHOSOS
ONDE O MAR JOGA COM BRAVURA
SUAS ÁGUAS NA PEDRA
E O VENTO ASSOBIA NAS COPAS DAS ÁRVORES
ONDE ARRANHA-CÉUS ENCOBREM O SOL

ELE É UM POUCO DE TUDO
MAIS SÓ REMEMORA MOMENTOS
QUANDO SENTE O CHEIRO AGRESTE DO MATO



27/04/82          TEREZA NEUMANN
Tereza Neumann
Enviado por Tereza Neumann em 08/04/2006
Código do texto: T135638

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Tereza Neumann). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tereza Neumann
Salvador - Bahia - Brasil, 62 anos
330 textos (15757 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 13:44)
Tereza Neumann