Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O QUE SE SENTE...

Às vezes buscamos alguém que compartilhe conosco a vida.

Todas as alegrias e tristeza...

Todas as vitórias e derrotas...

Todos os gostos, ideais, sonhos...

Mas as pessoas estão tão centradas em seu próprio EGO

que não compreendem os problemas das outras.

Como medir a tristeza do outro?

Como medir a dor do outro?

Somos tão diferentes...

Sentimos tão diferentemente...

que o que pode parecer pra mim um probleminha

para o outro é um problemão sem solução...

Pensemos no amor, na caridade, na bondade...

Nunca tentemos comparar pessoas, problemas, situações,

pois somos únicos, incomparáveis...

inegavelmente feitos em uma forma única, repleta de

sentimentos e emoções totalmente diferenciados.

Não julgue...

Ajude...

Se não for capaz de ajudar...

Simplesmente ouça, ampare...

Mas não critique, não recrimine...

Pois a tristeza é única para cada ser humano

e cada individualidade sabe o  que sente

e o que é capaz de fazer

quando se encontra assim.
Cláudia Marques
Enviado por Cláudia Marques em 10/04/2006
Reeditado em 26/08/2006
Código do texto: T136591

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cláudia Marques
Cruzeiro - São Paulo - Brasil, 42 anos
232 textos (153540 leituras)
2 e-livros (107 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:15)
Cláudia Marques